10 janeiro 2015

Desafio 30 dias de fotografia #6 - #10

Tempestades seguidas, falta de luz elétrica e mais de 24 horas sem internet tentando sabotar meu projeto fotográfico, mas nada vai me impedir de seguir e aqui estão as fotos dos últimos 5 dias gente! 


Dia 6: Um ângulo baixo.

Esta foto eu tirei faz um tempinho, mas gosto dela porque aqueles livros ali são lembranças boas que tenho. Eu estava deitada na cama e simplesmente mirei na minha estante.


Dia 7: Frutas.

Fotografia original que fiz pra um trabalho onde eu tinha que entregá-la em P&B, foi fotografada com luz natural da janela da minha casa.


Dia 8: Um mau hábito.

Sem dúvidas, o refrigerante, estou tomando apenas nos finais de semana, mas é complicado me livrar deste vício... ='(


Dia 9: Algo que você ame.

Fotografei a parte de cima da minha estante, lá tem um resumo das coisas que mais me fazem feliz, representadas por alguns objetos que eu guardo com todo amor.
Eles representam meu amor pela música, pelos livros, por escrever, por zebras, por games, personagens que marcaram minha vida... tantas coisas podem ser ditas pra explicar esta imagem, eu simplesmente não vivo sem estas coisas! <3


Dia 10: Memórias da infância.

Pra vocês parece ser apenas uma imagem de um dos 101 Dálmatas, mas não... o nome dele é Pingo, um dos protagonistas do desenho, uma das histórias que mais marcaram minha infância e exatamente este desenho dele, era o crachá com meu nome que ficava em cima do gancho onde eu guardava minha mochila na minha sala da pré-escola, SIM, quando eu tinha só 5 anos!
Não consigo me desfazer destas coisas, guardo até hoje comigo, com muito carinho. *-*

O desafio segue aqui e no Instagram gente, obrigada aos que estão acompanhando, beijo. =*

08 janeiro 2015

Dia do fotógrafo

Tudo começou em meados de 2008/9, quando eu comecei a admirar os profissionais que trabalhavam (e ainda trabalham) com minhas bandas preferidas, comecei a acompanhar mais eles e cada vez mais eu amava aquelas fotos, eu estava morando no interior e não podia ir nos shows, mas aquelas fotos transmitiam a emoção dos shows e me faziam imaginar como era estar naquele lugar naqueles momentos.

Eu sempre gostei de fotografia, desde criança, mas só tirava fotos em épocas especiais e aniversários, a coisa nunca foi fácil, mas eu sempre me encantei com tudo isso.

Depois que ganhei uma câmera portátil da minha mãe, tudo mudou, meu encanto aumentou e minha vontade de levar a fotografia mais além na minha vida só aumentava, então, depois de alguns anos de sonhos e um ano de Bacharelado na Federal do RS eu larguei tudo pra investir na fotografia e correr atrás deste sonho.

E aqui estou eu, pra agradecer à todos que me apoiam nesta escolha, que torcem por mim e que acreditam no meu trabalho. Agradeço também aos vários fotógrafos de bandas e shows que eu acompanho desde 2008, eles são os culpados por eu ter criado coragem pra correr atrás da fotografia, e agora eu nunca mais largo ela!

Feliz Dia do Fotógrafo! <3

Esta foto foi feita pela minha colega/amiga fotógrafa, Bruna Batista durante uma de nossas aulas na faculdade

05 janeiro 2015

Desafio: 30 dias de fotografia #4 e #5

Oi gente, estou aqui pra postar mais duas fotos do meu desafio de fotografia.
Ontem estive ausente porque tive que sair e voltei morta de cansada, acabei indo dormir direto e a demora hoje foi porque eu estava com uma grande dor de cabeça e quase dormi demais, mas vim atualizar o blog pra vocês,o desafio é compromisso, estarei aqui para cumpri-lo.

Dia 4: Algo verde.
Esta carteira era da minha mãe, mas quando eu perdi a minha, ela me deu de presente, eu AMO, é perfeita, acho muito bonita e este tom de verde é um dos que eu mais gosto, por isso quis colocar esta foto aqui.

Dia 5: De um ângulo alto.
Esta foto não é atual, mas quando li o desafio, pensei nela para o dia de hoje, este lugar é do lado do aeroporto de Porto Alegre, a calçada de acesso para pedestres e eu fotografei de cima da passarela de acesso do trem ao aeroporto. Gosto muito da forma circular que foi dada aos ladrilhos da calçada e também do casal que estava sentado no canto da foto, já to falando demais aqui! hahahah

Enfim, acho que é isso, e espero que estejam gostando das fotos. Beijo. =*

03 janeiro 2015

Desafio: 30 dias de fotografia #3

Dia 3: Nuvens.

Justo hoje que era o dia de fotografar nuvens, elas resolveram não aparecer. =/ Fotografei no final da tarde, na avenida aqui pertinho da minha casa, até gostei da foto, mas estou sentindo fata das nuvens.


Tentei fugir dos postes, amas eu perderia a parte mais bonita da imagem, acabaram aparecendo um pouquinho, mas ainda assim, gostei do resultado. ^^

Os shows que eu fui em dezembro

2014 passou, mas as lembranças do último mês do ano ficarão pra sempre, principalmente os dois shows que eu fui, por dois finais de semana seguidos, emoção, nostalgia e felicidade são apenas três das inúmeras palavras que eu posso usar pra definir como foi participar daquilo tudo, vou tentar ser breve e contra pra vocês mais ou menos como foi. 

14.12 - Banda aBRIL

Pra quem não conhece, é a banda que o Tavares (ex-Fresno) tinha antes de ir pra Fresno, a banda é conhecida praticamente só no RS e sempre que eles tocam aqui eu dou um jeito de ir, o último show tinha sido em 2012 e eu já estava com saudade deles. Antes do show, teve passagem de som e na saída consegui falar e tirar foto com o Bell (tbm ex-Fresno) que é o baterista da aBRIL. Ele sempre é um querido com todos e atendeu muita gente que estava na fila. 
Eles tocaram com a formação "original", já que o 'Cacique' está na Europa com a namorada, então foram apenas, Rodrigo, Bell e Airton no palco. <3 

O show foi lindo, nem sei quanto tempo durou, eu consegui ficar bem na frente do Rodrigo, de novo, tentei falar com ele antes do show, mas não rolou, de qualquer forma, valeu muito a pena. Reencontrei o povo que estava no show do Anberlin e também conheci pessoas novas. Aproveito pra agradecer ao Lucas, porque ele ficou na fila comigo, guardando lugar no sol e seria sacanagem não agradecer por isso. hahahahha 

Eu não consegui tirar fotos boas, acho que as melhores foram estas abaixo, que eu estou colocando aqui só pra registrar que o Rodrigo estava com a mesma camiseta que eu, a lembrança do show do Anberlin em Porto Alegre, quase surtei quando vi ele chegando no palco com esta roupa! Também gostei da foto que tirei dele de costas (ele até curtiu quando postei no Instagram), o cara tem muito estilo! hahahaha <3 


21.12 - Fresno: O Começo de Tudo 

Eu achei que não iria neste show, foi anunciado muito em cima da hora e eu não tinha dinheiro, mas minha mãe me deu o ingresso como presente adiantado de Natal e foi o melhor presente que eu poderia ter ganhado. Fiquei na fila deste show quase 24 horas, pra piorar, choveu o final de semana inteiro e a chuva só parou depois que entramos no Opinião, (a casa de shows mais tradicional de Poa).

TUDO valeu muito a pena, porque eu finalmente assisti um show da Fresno tocando as músicas dos 3 primeiros cds, os cds independentes da época que eles eram conhecidos apenas aqui no RS e FOI LINDO, pra tudo ficar perfeito, estavam lá os dois músicos da formação original da banda, que saíram faz temo da Fresno, mas voltaram por uma noite, pra particiar deste show e realizar este meu sonho que durava 11 anos; um show da Fresno que eu conheci, tocando apenas as músicas do começo da carreira!, Foi inacreditável.

E pra fechar meu mês com chave de ouro: Eu consegui conversar com eles, tirar fotos, pegar autógrafos (dedicados ainda!)... ainda não sei explicar meu sentimento depois de tantas coisas boas que aconteceram, foi um dos melhores finais de semana da minha vida. Mesmo com a péssima iluminação, tenho as fotos com eles, Cuper (ex-baterista) e Lezo (ex-baixista). *-*


Enfim, eu tinha que deixar registrado aqui este grande momento de felicidade que tive no final do ano. A proposta principal do blog é esta, compartilhar felicidade.

<3